31
Out 17

Todos sabem que as redes sociais são as ferramentas atuais que permitem que as pessoas se comuniquem entre si mesmo sobre coisas que não podiam ser menos importantes. Mas funciona, porque as pessoas usam isso a uma escala mais preocupante do que eu jamais esperaria (para mim!!). Usam as redes sociais por centenas de razões, mas acho que há uma mais comum, seja dentro de um ambiente pessoal ou empresarial. Eu acredito que esta seja a autopromoção. Autopromoção porque desejam ser notados pela sua beleza, pelos seus pensamentos, roupas, amigos, área de trabalho, lugar de trabalho, atividade de trabalho, seja lá o que for... Assim, as redes sociais ganharam tal relevância que as pessoas estão ligadas o tempo todo por qualquer motivo através de aplicações nos seus telemóveis, tablets, etc. E, em seguida, há pessoas como eu que também usam as ferramentas e as redes sociais da Internet: embora com o mesmo propósito, eu acabo por me desviar de alguma forma. Então, eu pergunto-me novamente, porque as uso eu? Eu não gasto muito tempo (na verdade, apenas pouco tempo) ligada. Não posto o tempo todo e só leio o que eu acho interessante. Quanto ao facebook, uso-o de forma pessoal. Eu acho que é uma ferramenta muito útil para ficar ligada à família e amigos com quem eu não estou tanto ou de todo. Quanto ao Twiter, não uso de todo... Ainda não entendi o conceito... acho (eu sei, como posso dizer isto?). Quanto ao Linkedin, gosto imenso, encontro muitos postes interessantes, mas estou pouco tempo ligada, porque se estiver mais tempo gasto tempos sem fim lá sem me dar conta. Então, eu não tendo a estar ligada o tempo todo... quando me dou conta, passou-se imenso tempo sem estar ligada. Dei início aos meus blogs e acabo por aceitar que não os uso tanto quanto eu achava que ia usar. O que está mal aqui? A maioria das pessoas diria: TU!! Não, eles não estão certos.

Mas adivinha: eles estão é certos! Porque a maioria das pessoas usa essas ferramentas como sendo parte das suas vidas, sou eu que estou errada aqui. A “estranha” aqui sou eu. Na verdade, não estou totalmente dentro nem totalmente fora. Estou dentro e fora. Ooora... isso significa que não estou a promover-me adequadamente, porque não estou a usar estas ferramentas de forma adequada ... se eu não estiver “online”, tendo a não existir! Apesar de não usar as redes sociais como razão da minha existência, percebo que as uso apenas um pouco!

Olha, estás a ficar para trás... Ooops!! Tenho de fazer qualquer coisa quanto a isto! 

publicado por Gabriela Lima às 08:38

18
Out 17

O tempo realmente passa tão rápido, é incrível! Não consigo lembrar-me da última vez que escrevi sobre algo... na verdade, já sentia falta. É bom sentar-me e escrever novamente mesmo que por um momento. Conheces aquele sentimento de quando tudo está a ir tão bem e se encaixa na perfeição? É um momento ou um período muito bom, caso dure mais tempo. Então, alguém quer comprar a tua casa e aproveitas a oportunidade para te aproximares do local das tuas atividades diárias... mas, depois de muita ansiedade e teres encontrado a casa dos teus sonhos, o casal que estava interessado em comprar a tua casa diz, por fim, que, afinal, não tem dinheiro... não te sentes propriamente miserável, mas irritado por causa de todo o esforço gasto em encontrares um novo lugar e toda a ansiedade envolvida ... depois... depois, a tua máquina de lavar roupa avaria...tens de comprar uma nova... depois, o teu carro avaria... e tinhas prometido a um cliente que lhe irias fazer uma visita, mas com uma série de eventos estúpidos a acontecer um após o outro, acabas por não poderes marcar esta visita ... isto é tão perturbador!! Só vês muitos euros a serem gastos em coisas de que definitivamente não estarias à espera agora. O que farias tu? Bem, eu diria para ires de férias como toda a gente e recarregares as baterias! No meio disto... sê gentil contigo mesmo porque não pediste nem causaste isto. Ou, se causaste, deve haver uma explicação cármica para isso. Não faz sentido ficar com raiva da vida! O pensamento positivo poderia ser de maior ajuda aqui! Pega nas tuas coisas e continua, toma um café, vai ao ginásio ou faz jogging. Vai até ao mar buscar inspiração , usa a tua imaginação, recria, mantém-te ativo. Continua o bom trabalho, conserva o bom humor e, definitivamente, aproveita a vida. Se tiveres um blog, lembra-te dele e escreve nele!! 

publicado por Gabriela Lima às 19:14

Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

18 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO